segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

FELIZ ANO NOVO!!!



CARTA DE ANO BOM


Entre um ano que se vai

E outro que se inicia,

Há sempre nova esperança,

Promessas de Novo Dia...


Considera, meu amigo,

Nesse pequeno intervalo,

Todo o tempo que perdeste

Sem saber aproveitá-lo.


Se o ano que se passou

Foi de amargura sombria,

Nosso Pai Nunca está pobre

Do pão de luz da alegria.


Pensa que o céu não esquece

A mais ínfima criatura,

E espera resignado

O teu quinhão de ventura.


Considera, sobretudo

Que precisas, doravante,

Encher de luz todo o tempo

Da bênção de cada instante.


Sê na oficina do mundo

O mais perfeito aprendiz,

Pois somente no trabalho

Teu ano será feliz.


Não esperes recompensas

Dos bens da vida terrestre,

Mas, volve toda a esperança

A paz do Divino Mestre.


Nas lutas, nunca te esqueça

Deste conceito profundo:

O reino da luz de Cristo

Não reside neste mundo.


Não olhes faltas alheias,

Não julgues o teu irmão,

Vive apenas no trabalho

De tua renovação.


Quem se esforça de verdade

Sabe a prática do bem,

Conhece os próprios deveres

Sem censurar a ninguém.


Ano Novo!... Pede ao Céu

Que te proteja o trabalho,

Que te conceda na fé

O mais sublime agasalho.


Ano Bom!... Deus te abençoe

No esforço que te conduz

Das sombras tristes da Terra

Para as bênçãos de Jesus.


Francisco Cândido Xavier - Ditada pelo Espírito Casemiro Cunha

Imagem: http://images.google.com.br

Queridos (as) amigos(as), quero agradecer a todos por terem me acompanhado, fazendo parte e alegrando tanto a minha vida., tendo me ensinado a compartilhar e a viver mais em amor incondicional. Admiro demais a cada um de vocês. Obrigada por existirem!

Tenhamos em mente que somos abençoados, pois a cada dia nos é oferecida a oportunidade de um novo começo...

Muito bonito comemorarmos o Ano Novo, dia 1º de janeiro de cada ano, mas que não sejam apenas festas e exageros, numa confraternização vazia, mas que sejam momentos plenos de esperanças, alegrias, que nos lembremos que temos a cada novo dia, tal qual um presente dado por Deus, a cada um de nós, para fazer o melhor que pudermos nestes tão preciosos momentos, com os quais escrevemos os “livros” de nossas vidas.

Saibamos valer cada minuto de nossos dias, preenchendo-os de amor, harmonia, alegrias, compartilhando vida, carinho, enfim, vibrando o Amor em tudo o que vivermos.

Assim, efetivamente teremos não apenas um dia para comemorar o Ano Novo, mas, muitos dias felizes, ricos em aprendizagens em todos os anos.

Vamos amar a tudo e a todos, sentindo gratidão por cada ser, cada grão de areia, pelos animais, por toda natureza, por sermos irmanados no Amor, por sermos todos UM, filhos do mesmo Criador.

FELIZ ANO NOVO A TODOS VOCES!!!

QUE SEJAM DIAS DE PAZ E AMOR EM SUAS VIDAS, EM NOSSO PLANETA E UNIVERSO...

Beijinhos...

Valéria

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

FELIZ NATAL !


ALGO MAIS NO NATAL

Senhor Jesus!

Diante do Natal, que te lembra a glória na manjedoura, nós te agradecemos:

a música da oração;

o regozijo da fé;

a mensagem de amor;

a alegria do lar;

o apelo a fraternidade;

o júbilo da esperança;

a bênção do trabalho;

a confiança no bem;

o tesouro da tua paz;

a palavra da Boa Nova;

e a confiança no futuro!...

Entretanto, oh! Divino Mestre, de corações voltados para o teu coração, nós te suplicamos algo mais! ...Concede-nos,

Senhor, o dom inefável da humildade para que tenhamos a precisa coragem de seguir-te os exemplos!

EMMANUEL

Do livro “Luz do Coração” - Francisco Cândido Xavier - Esp. Emmanuel


Meus tão queridos amigos(as)... tenham um FELIZ NATAL!!!

Que venha sobre cada um de vocês, seus familiares e amigos, as mais belas bênçãos...

Que de seus corações resplandeça Luz, Paz e Amor, pois este é o verdadeiro espírito de Natal...

Que seja um dia para celebrar o Amor que Jesus tão lindamente nos ensinou e que levemos este sentimento maior a cada dia de nossas vidas, fazendo de certo modo, ser Natal, nos 365 dias de cada ano.

Imaginem a alegria de Jesus se assim o fizermos.

Imaginem que mundo maravilhoso teremos!!!

Deixo a todos um abraço com muito carinho, minha gratidão imensa por fazerem parte da minha vida. Felicidades à todos!

Beijos...

Valéria

Imagem: http://images.google.com.br

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

ORAÇÃO NO NATAL


ORAÇÃO NO NATAL

Jesus, que neste Natal, Seu olhar de luz penetre nossa alma, como a brisa morna da primavera, e acorde a esperança adormecida sob as folhas secas das ilusões, dos medos, da indiferença, do desespero...

Que Seu perfume, suave como a ternura, envolva todo o nosso ser, confortando-nos e despertando a alegria que jaz esquecida por trás das lamúrias e distrações do caminho...

Que o bálsamo do Seu amor acalme as nossas dores, silencie as nossas queixas, socorra a nossa falta de fé.

Que, neste Natal, o calor da Sua bondade se derrame sobre o nosso Espírito e derreta o gelo milenar do egoísmo que nos infelicita e faz infelizes nossos semelhantes...

Que Seu coração generoso afine as cordas da harpa viva que vibra em nossa intimidade, e possamos cantar e dançar, até que o preconceito fuja, envergonhado, e não mais faça morada em nós...

Que o Seu canto de paz seja ouvido por todos os povos, do Oriente e do Ocidente, e as guerras nunca mais sejam possíveis entre a raça humana...

Que, neste Natal, Suas mãos invisíveis e firmes sustentem as nossas, e nos arranquem dos precipícios dos vícios, da ira, dos ódios que tanto nos infelicitam...

Que a água cristalina da Sua misericórdia percorra nossa alma e remova o lodo do ciúme, da inveja, do desejo de vingança, e de tantos outros vermes que nos corroem e nos matam lentamente...

Que o bisturi do Seu afeto extirpe a mágoa que se aloja em nosso íntimo e nos turva as vistas, impedindo-nos de ver as flores ao longo do caminho...

Que, neste Natal, a pureza da Sua amizade faça com que possamos ver apenas as virtudes dos nossos amigos, e os abracemos sem receio, sem defesas, sem prevenções...

Que Seu canto de liberdade ecoe em nós, para que sejamos livres como as falenas que brincam na brisa morna, penetrada pela suavidade da luz solar...

Que o sopro da Sua fé nos impulsione na direção das estrelas que cintilam no firmamento, onde não mais se ouvem gemidos de dor, e onde a felicidade plena já é realidade.

Ensine-nos, Jesus, a amar, a fazer desabrochar em nossa alma esse sol interior que nos fará luz por inteiro...

Ajude-nos a desenvolver o gosto pelo conhecimento, para que possamos encontrar a verdade que nos libertará da ignorância pertinaz...

E, por fim, Jesus, que neste Natal cada ser humano possa sentir a Sua presença sábia e amiga, convidando a todos a uma vida mais feliz...

Tão feliz que Sua mensagem não mais seja um tímido eco repercutindo em almas vacilantes, mas que seja uma grande melodia que vibra o amor em todos os cantos da Terra...

Redação do Momento Espírita

Imagem: http://images.google.com.br

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

SUBA MAIS ALTO


SUBA MAIS ALTO

Não lhe fira a calúnia. Viva de modo que ninguém possa acreditar no caluniador.

Não se atrase, em face da perturbação. Siga seu caminho, atendendo aos objetivos superiores da vida, porque os perturbadores são inumeráveis.

Não lhe doa a acusação indébita. Você pode realizar muitos planos valiosos, em contraposição aos acusadores gratuitos.

Não se incomode pela desconfiança descabida. Em qualquer lugar, você pode empregar a boa consciência no serviço honesto.

Não desanime, em razão da crítica. Se a censura é serviço cabível a qualquer um, a realização elevada é obra de poucos.

Não se aborreça em virtude de pareceres desfavoráveis. Se você permanece consagrado ao bem, a aprovação da própria consciência prepondera acima de qualquer opinião por mais respeitável.

“Agenda Cristã” - Francisco Cândido Xavier – Espírito André Luiz

Imagem: http://images.google.com.br

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

GOTAS DE AMOR


GOTAS DE AMOR

Num quarto modesto, o doente grave pedia silêncio. Mas a velha porta rangia nas dobradiças, cada vez que alguém a abria ou fechava.

O momento solicitava quietude, mas não era oportuno para a reparação adequada.

Com a passagem do médico, a porta rangia, nas idas e vindas do enfermeiro, no trânsito dos familiares e amigos, eis a porta a chiar, estridente.

Aquela circunstância trazia, ao enfermo e a todos que lhe prestavam assistência e carinho, verdadeira guerra de nervos.

Contudo, depois de várias horas de incômodo, chegou um vizinho e colocou algumas gotas de óleo lubrificante na antiga engrenagem e a porta silenciou, tranqüila e obediente.

A lição é singela, mas muito expressiva.

Em muitas ocasiões há tumulto dentro de nossos lares, no ambiente de trabalho, numa reunião qualquer. São as dobradiças das relações fazendo barulho inconveniente.

São problemas complexos, conflitos, inquietações, abalos...

Entretanto, na maioria dos casos nós podemos apresentar a cooperação definitiva para a extinção das discórdias. Basta que lembremos do recurso infalível de algumas gotas de compreensão e a situação muda.

Algumas gotas de perdão acabam de imediato com o chiado das discussões mais calorosas.

Gotas de paciência no momento oportuno podem evitar grandes dissabores...

Poucas gotas de carinho, penetram as barreiras mais sólidas e produzem efeitos duradouros e salutares.

Algumas gotas de solidariedade e fraternidade podem conter uma guerra de muitos anos.

É com algumas gotas de amor que as mães dedicadas abrem as portas mais emperradas dos corações confiados à sua guarda.

São as gotas de puro afeto que penetram e dulcificam as almas ressecadas de esposas e esposos, ajudando na manutenção da convivência duradoura.

Nas relações de amizade, por vezes, algumas gotas de afeição são suficientes para lubrificar as engrenagens e evitar os ruídos estridentes da discórdia e da intolerância.

Dessa forma, quando você perceber que as dobradiças das relações estão fazendo barulho inconveniente, não espere que o vizinho venha solucionar o problema.

Lembre-se de que você poderá silenciar qualquer discórdia lançando mão do óleo lubrificante do amor, útil em qualquer circunstância, e sem contra-indicação.

Não são necessárias grandes virtudes para lograr êxito nessa empreitada. Basta agir com sabedoria e bom senso. Às vezes, são necessárias apenas algumas gotas de silêncio para conter o ruído desagradável de uma discussão infeliz.

Pense nisso!

Se uma pequena faísca pode desencadear um incêndio devastador, da mesma forma uma gota de amor pode evitar grandes catástrofes nos relacionamentos humanos.

Dessa forma, vale a pena ficarmos atentos aos ruídos provocados pela discórdia, a fim de contribuirmos com algumas gotas de compreensão, no momento oportuno.

E se você é daqueles que pensa que os pequenos gestos nada significam, lembre-se de que as grandes montanhas são constituídas de pequenos grãos de areia.

Pense nisso!

Redação do Momento Espírita, com base no cap. 28 do livro Bem-aventurados os simples, pelo Espírito Valerium, psicografia de Waldo Vieira

Imagem: http://images.google.com.br

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

À PROCURA DE DEUS


À PROCURA DE DEUS

Uma velha narrativa indígena fala de um homem que, certo dia, sentiu uma grande necessidade de Deus.

Então, dentro de sua alma, sussurrou: “Deus, fale comigo. Preciso imensamente ouvir sua voz.”

No mesmo instante, no galho próximo, o canto de um rouxinol encheu a natureza.

O homem não se apercebeu da beleza do canto, nem da mensagem que vinha na musicalidade canora e repetiu: “Deus, fale comigo!”

Nesse instante, a natureza modificou sua feição e um trovão ecoou nos céus.

Ainda assim, o homem foi incapaz de ouvir.

Olhou em volta e disse: “Deus, deixe-me vê-Lo.”

E uma estrela brilhou no céu. Logo mais, milhões de pequenas lanternas brilharam por todo o manto da noite. A lua se desfez em luz de prata e se espelhou nas águas do lago.

Mas o homem não notou. Agora, quase desesperado, começou a falar mais alto: “Deus, mostre-me um milagre.”

E uma criança nasceu. Contudo, o homem não sentiu o pulsar da vida no novo ser que surgia, esperançoso.

O homem começou a chorar.

“Deus”, disse, “sinto-me tão só. Toque-me e deixe-me sentir que Você está aqui comigo...”

E uma borboleta pousou suavemente em seu ombro, abrindo e fechando as asas multicoloridas.

O homem levantou o ombro e a espantou.

O estudo da natureza nos mostra, em todos os lugares, a ação de uma vontade oculta.

Por toda parte a matéria obedece a uma força que a domina, organiza e dirige.

O espetáculo da natureza, o aspecto dos céus, das montanhas, dos mares apresentam ao nosso Espírito a idéia de um Deus oculto no Universo.

Em cada um de nós existem fontes ocultas de onde podem brotar ondas de vida e de amor, virtudes, potências inumeráveis.

É aí, nesse santuário íntimo que se pode procurar Deus. Deus está em nós. As almas refletem Deus como as gotas do orvalho da manhã refletem os fogos do sol, cada uma delas segundo o seu próprio brilho e o grau de pureza.

É dentro de si mesmos que todos os homens de gênio, os grandes missionários e os profetas conheceram Deus e Suas Leis e as revelaram aos povos da Terra.

É consolador e doce poder caminhar na vida com a fronte levantada para os céus, sabendo que, mesmo nas tempestades, no meio das mais cruéis provas, nos fundos cárceres, como à beira dos abismos, uma Providência, uma Lei Divina paira sobre nós.

Um Pai que observa os nossos atos e que, de nossas lutas, de nossas lágrimas, faz sair a nossa própria glória e a nossa felicidade.

É nesses pensamentos que está toda a força do Homem de Bem.

Texto da Equipe de Redação do Momento Espírita, com base no texto Prece indígena, do livro By San Etioy, recebido pela Internet, e no cap. IX – 2ª parte do livro Depois da morte, de Léon Denis

Imagem: http://images.google.com.br

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

MOMENTO DE AGIR (de ValériaC)


MOMENTO DE AGIR

Se você é aquele tipo de pessoa

que muitas vezes reclama

que o mundo está perdido,

desperte e entenda,

começa contigo a fazê-lo mudar...

Se sente que falta paz,

seja você o primeiro a senti-la em ti

e leva-la por onde for...

Se o mundo carece de amor,

se não se sente devidamente querido,

que seja então você, a cultivá-lo em si

e espalha-lo em tudo e em todos...

o que lhe virá, será consequência...

Se te falta amizade sincera,

seja você exemplo de amigo

mais verdadeiro que puder...

Se falta solidariedade,

comece você a dividir, a compartilhar

o melhor de você com o mundo...

mesmo que sejam gestos pequenos,

uma boa palavra pode em muito ajudar...

Dê o seu melhor, carregado de todo amor

que há dentro de você.

Vamos viver com boa vontade,

acreditando que tudo sempre pode ser melhor.

Orar faz bem, nos liga ao Divino,

especialmente quando oramos mais do que palavras,

oramos, com o coração cheio de gratidão...

mas, nos lembremos que orar é alento,

porém não fiquemos esperando

que as mudanças venham só dos céus,

sem que nada tenhamos que fazer.

Ter fé é agir... Deus inspira os de boa vontade...

Está mais do que na hora

de pararmos de somente reclamar,

e agirmos movidos pelo Amor,

para efetivamente transformarmos

nossa amada Terra,

num verdadeiro lar...

num paraíso de solidariedade...

Isso depende da escolha ativa de cada um de nós...

Acordemos para nossas responsabilidades,

sigamos semeando Paz, Amor, Vida...

A união de todos pode criar um mundo melhor...

ValériaC

Imagem: http://images.google.com.br

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails