segunda-feira, 5 de março de 2012

O QUE FAZEMOS CONOSCO... (de ValériaC)

Se tem coisa que me impressiona, é ver o quanto os seres humanos são magoáveis e tem sérios problemas em digerir as diferentes situações que ocorrem em suas vidas, sejam elas “trazidas” por outras pessoas ou pelas circunstâncias.

E neste mal reagir, nesta “indigestão” ficam arrastando às vezes, por toda uma vida, um monte de lixo emocional, pois não conseguem perdoar de verdade o que lhes fizeram, ficam se colocando na posição de vítimas sofredoras que não mereciam passar por aquilo e por fim ao deixarem seus egos falarem mais alto e os dominarem, carregam pesos desnecessários e o pior, acabam criando problemas emocionais, doenças físicas e ainda ficam sem entender o por que tem Diabetes, problemas cardíacos, hipertensão e tantos outros problemas.

Dai, então o grande vilão é a genética, a alimentação ou ficam achando que tudo foi causado pela “vontade de Deus”, ou por culpa do desgosto que alguém lhes causou na vida, ou seja, o culpado sempre é algo ou alguém exterior a eles, mas não conseguem perceber e admitir que na verdade, quem mais nos faz mal, somos nós mesmos, quando não conseguimos lidar adequadamente com que nos vem de fora, por muitas vezes, mantermos aberta uma grande ferida, chamada: orgulho. E se ficamos doentes, na verdade somos nós os maiores responsáveis, porque não tivemos a humildade de deixar o ego de lado, por não perdoarmos as limitações alheias ou por não aceitarmos a forma que cada um percebe a vida, tão pouco respeitando as diferenças de pensar e agir de cada um, o que é uma “infantilidade”, uma imaturidade e pode custar caro a nós mesmos. Somos todos falíveis, então como exigir perfeição absoluta dos outros, se sequer encontramos muitas vezes em nós?

É preciso que pensemos bem nisto, para o nosso próprio bem, pois na medida que lidamos melhor com as situações da vida, mais nos trazemos equilíbrio e consequentemente mais saúde.

Não percamos a oportunidade da lição, estejamos conscientes de que tudo o que fazemos conosco e com os outros gera consequências, porém a medida que nos abrirmos mais à empatia uns com os outros , mais teremos chance de nos sentirmos felizes conosco e com as pessoas que nos cercam, pois haverá mais respeito e aceitação. Não prendamos em nós o que nos faz mal, liberemos tudo isso, deixemos o passado passar. Não percamos tempo “brigando” mentalmente, não nos prendamos em coisas pequenas, pois, somos capazes, se assim o quisermos de ir muito além das pequenezas e seguirmos a vida com muito mais alegria e leveza. A escolha está no aqui e agora, em nossas mãos, sempre.

Lembremos que na realidade, os problemas não estão no exterior (pessoas e situações), mas sim na forma como processamos, digerimos interiormente o que nos vem do exterior e acabamos gerando as mais diversas consequências em nós e em nossas vidas.

Texto de: ValériaC

Imagem: daqui

37 comentários:

Maysa disse...

bom dia Valéria
nossa é mesmo para ler muitas vezes e refletir e o principal acertar pendências que estamos com nos mesmos , obrigada pela postagens
forte abraço
elisa

Marlene disse...

BOM DIA MINHA QUERIDA AMIGA PARABENS POR ESTA LINDA POST NOS ALERTANDO SOBRE NOSSAS ATITUDES EM RELAÇÃO
AS SITUAÇÕES QUE ENFRENTAMOS NO DIA A DIS E SUAS CONSEQUENCIAS.UM TEMA PARA SE REFLETIR LER E RELER COM ATENÇÃO
UM ABRAÇO AMIGA UMA BOA SEMANA BJS MARLENE

Bloguinho da Zizi disse...

Bom dia Valéria
Esse é o foco do meu trabalho mas,
não é fácil, pois as pessoas insistem em não perdoar, mesmo sabendo que a cura está no perdão, no deixar ir.
Paga-se muito caro por isso, infelizmente.
Teu texto é perfeito.
Parabéns
Beijinhos

♫*Isa Mar disse...

É minha amiga, as pessoas magoáveis e ofendíveis são as que mais sofrem, costumo dizer que a decepção é a visita da verdade.
A saúde do corpo e da alma depende muito da aceitação, da não resistência, quando resistimos a mudar nossa maneira de ser o corpo se ressente e as doenças chegam e vão se instalando.
A infantilidade e a imaturidade está justamente em não querer enxergar ou aceitar as coisas como são, em se colocar sempre na posição de vítima.
A escolha é sempre nossa, se vamos passar pela vida vivendo de ilusões ou vamos realmente encarar a vida de frente e fazer algo por nós e pelo nosso bem estar.
Excelente reflexão pra começar a semana, beijos e boa semana Val!

AC disse...

Ah, Valéria, como me identifico com este texto!
Muito Bom!

Beijo :)

Célia Rangel disse...

Sua reflexão faz-nos ver o quanto de egoísmo temos em não sabermos sublimar uma série de fatores em nossas vidas. O salto para uma melhor qualidade de vida depende única e exclusivamente de nossas ações.
Abraço da Célia.

Anne Lieri disse...

Val,um texto com msg preciosa de auto conhecimento e humildade!Perdoar a si mesmo é o começo de tudo!Bjs e boa semana!

✿ chica disse...

Quanto mais ficarmos ruminando mágoas, mais mal fazemos à nós mesmos...beijos,linda semana,chica

Élys disse...

Manter mágoas em nosso Íntimo é o mesmo que envenenar-se, porém as pessoas possuem, ainda, muita dificuldade em desvencilhar-se destes problemas. Na vida tudo acontece passo a passo e com perseverança.

Valéria,tenha uma bela semana.
Beijos.

Ilca Santos disse...

Valéria querida,
Guardar mágoas e ressentimentos gera doenças.
Lindo texto, uma ótima reflexão!

Te deixo esta frase de Shakespeare: "Guardar ressentimento é como tomar veneno e esperar que a outra pessoa morra."

Tenha uma linda semana!
Beijos.

Bergilde disse...

Talvez por isso as doenças ditas psicossomáticas são em ordem cada vez mais crescente no nosso mundo.
Refletir,orar,aceitar as coisas,principalmente as pessoas como são e não como gostaríamos que fossem é sempre um importante ponto ao qual devemos nos apoiar para prosseguir.
Abraço carinhoso,aprendendo sempre com seus escritos!

Calu disse...

Outra causa destes malefícios que nos imputamos está na projeção que fazemos dos outros, no que queremos que o outro seja e na decepção que isto causa, pois, aí está uma difícil equação;que todos correspondam ao que deles esperamos.E lá vamos nós, catando esses frutos amargos do ressentimento pela estrada da vida e nos contaminando com eles.

Palavras iluminadoras como as tuas precisam ser lidas e refletidas todos os dias, para que interiorizem-se no coração e na razão de cada um.
Excelente mensagem, Valéria.
Bjkas,
Calu

Liz - Como as Cerejas da Minha Janela... disse...

Oi, minha querida!!! que saudades de voce! só voltei a semana passada e recebi teu carinho lá no meu blog. Obrigada de todo coração!

Descobri antes de sair de férias que nós duas temos a mesma base filosófica de vida e aprendemos com o mesmo Mestre. Fiquei muito feliz de ter te encontrado, e fica tão claro que "os semelhantes sempre se atraem", não é mesmo? a blogosfera é tão grande, mas mesmo assim, aqui estamos...

Gosto muito de ler teus textos, que são sempre escritos com tanta clareza, facilitando assim e muito o entendimento dos ensinamentos. É nosso dever sim assumirmos todos os acontecimentos em nossas vidas, sejam eles bons ou maus, pois o nosso mundo e tudo o que dele colhemos somos nós mesmos que plantamos. Acredito na evolução do ser humano e com certeza, um dia, todos conseguirão praticar essas grandiosas verdades em suas vidas.

Um beijo grande, enorme mesmo no seu coração, querida!!

Vivian disse...

Bom dia,Valéria!!!

Também me impressiona a quantidade de lixo emocional que a maioria acumula em si! Falta se conhecer, estudar a espiritualidade...entre outras coisas...
Não é fácil, no começo,não acumular lixo emocional,sempre temos uma boa desculpa para culpar a circustância, o outro, etc...e não aceitar que o poder é nosso.Eu não guardo nada...faxino tudo!!rsrsr Dá um trabalho...mas vale a pena!
Beijos minha linda amiga!!!!

Maria José Rezende disse...

Olá Valéria. Uma das coisas que a vida me ensinou é que somos os únicos responsáveis por nossos infortúnios. E que podemos mudar o que quisermos e pudermos. O que não está ao nosso alcance, simplesmente devemos deixar passar. Beijos.

Leninha disse...

Valéria querida,

Muito boa a sua colocação,estamos sempre arrastando os grilhões de nossas insatisfações,de nossas mágoas e de nossas "culpas".Necessária se faz uma avaliação bem segura e sincera para nos desvencilharmos deste "peso",que todos carregamos.
E, hoje,véspera do Dia Internacional da Mulher,quero te agradecer e desejar,de coração muita Paz e muita Luz,exemplo de Mulher,batalhadora e guerreira,sempre.
Bjssssss,
Leninha

MARILENE disse...

Perfeita sua postagem. Não adianta buscar fora um culpado param nossos males, eis que, inconscientemente, os provocamos. Aprendendo a lidar com as situações estaremos, igualmente, tratando de nosso corpo e evitando doenças.

Bjus.

Vera Lúcia disse...

Olá querida,

Como sempre, um excelente texto!

A maioria dos problemas e das doenças que acometem nosso corpo físico tem exatamente origem nos sentimentos negativos arquivados indevidamente. A falta do perdão, o vitimismo, a falta de assumir os próprios erros, procurando sempre um culpado para eles e os dolorosos diálogos internos são bagagens pesadas demais e que tiram as pessoas de seu eixo.
Se desejamos viver mais serenos, em paz e com saúde devemos nos libertar de todo este lixo inútil.

Parabéns pelo dia e por ser esta linda MULHER que você é!

Beijos.

Roberta Maia disse...

Esse texto é para uma reflexão...muito importante o tema abordado!! Quanto de lixo temos, é muito necessário a faxina, hã?!

Vim também desejar um Lindo Dia 08 de março!!
Parabéns para você que faz parte desse time de mulheres guerreiras!!

Paz e Luz!!

marciagrega disse...

Muito bom seu texto Valéria!
Estou muito de acordo com tudo o que escreveu! Meu ponto fraco é o estômago...Seja na tristeza ou nas grandes emoções, é ele que paga o tributo!
Parabéns pelo dia de hoje!
“ É preciso vencer a
cegueira vivendo intensamente. Não se submetam passivamente aos
comportamentos sociais que vos são impostos. Exijam o lugar de direito
que têm no MUNDO, na igualdade de género, nos direitos e deveres."

Valéria disse...

Oiiii Valéria!
Saudades de você e de seus textos maravilhosos! Quanta sabedoria em seu texto! Para aceitar precisamos relativizar senão como poderemos viver em harmonia com nós mesmos e com o outro? Engolir tudo sem pelo menos tentar digerir só nos fará muito mal.
Beijinhos e um lindo dia da mulher!

Marlene disse...

ÓLA AMIGA PARABENS PELO DIA DEDICADO AS MULHERES EM ESPECIAL A PESSOAS COMO VOCE MINHA DOCE AMIGA ANJO DE LUZ AMOR E ESPERANÇA LINDA DE ALMA DE PERSONALIDADE E CARINHO SEJA MUITO FELIZ NA PAZ DO CRIADOR UM ABRAÇO BJS COM CARINHO MARLENE

MARILENE disse...

Um dia dedicado à mulher. Uma vida para reconhecer todo seu valor!
Que esteja sempre a receber homenagens, pelos atos, pela sensibilidade, pela doação constante.
Bjs.

ZilMar disse...

querida Valeria,vc é uma Mulher especial...grande no que faz...pq toca o coração dos que aqui chegam...e com certeza alguma coisa acontece...

deixo meu abraço e carinho...parabéns por hoje e sempre...

Zil

Maria disse...

Minha amiga como sempre um texto excelente. Hoje venho especialmente para desejar um Feliz Dia da Mulher. Que todos os seus dias tenham o brilho e beleza do amanhecer.
Beijinhos
Maria

Elisa T. Campos disse...

Valéria

Um texto tão encantador e reflexivo
bem oportuno nos dias de hoje.

Feliz dia da Mulher.

Beijos.

Elisa T. Campos disse...

Valéria
Mais um texto bem oportuno para ler.
Seus textos reflexivos me encantam

Bjs.

Ivana disse...

Valéria

Muito bom seu texto, sempre nos faz refletir.
Valéria, volta lá no meu cantinho, eu fiz uma singela homenagem para nós mulheres, e você também está lá!

Bjo!

lis disse...

Uma boa reflexão Valéria
Muito oportuna, principalmente,nós mulheres somos sensíveis com tudo que nos acontece no dia dia e ficamos preocupadas em demasia .
Precisamos aprender a lição.
abraços linda

Jorge (Nectan) disse...

Olá, Valéria!!!

Ainda creio que tudo que carregamos de negativo, se baseia na falta de nos conhecermos. Como lidar com nossas emoções se sequer conhecemos quem somos e como somos?
Por desconhecer a própria potencialidade interior, só movimenta o que acha que possui e aquelas consequencias da nossa assimilação.

Meu Anjo, um doce beijo e um excelente fim de semana!!

Professor Gilberto Cantu disse...

Oi Valéria,
Pedoar faz mais bem para nós mesmos do que o outro.
Lindas e verdadeira sua postagem.
Um grande abraço.
Paz de Jesus em seu coração.

Meire Oliveira disse...

Valzinha, minha flor de algodão,
acredito que tudo o que acontece em nossa vida merece atenção especial, mas não devemos dar mais importância a algo ou alguma situação do que realmente ela tem. Ficar ruminando um acontecimento do passado por muito tempo nos causa sérios danos e a culpa disso é apenas nossa que não usamos o amor pra nos curar, porque só o nosso amor pode realmente nos curar quando deixamos que algo, ou alguém nos atinja. Como eu adoro dizer: o segredo é saber voar acariciando as próprias asas. É nos respeitar pra respeitar o outro.

Adoro o seu jeitinho de escrever :) Dá puxões de orelha com gotinhas de açúcar!

beijos de luz e carinho.
Amo vc ♥

Leonice disse...

Valéria minha querida, que texto!!!

Nos faz refletir o quanto ainda somos pequeninos, quanto temos que crescer e aprender.
Obrigada amiga!
Um grande abraço.

Denise disse...

Valéria, na verdade ainda temos uma alma infantil, pois essa forma de enxergar a vida vem do nosso egocentrismo. Não conseguimos ver nada além de nós mesmos. Portanto, não vemos nossos defeitos, delegando-os ao outro. É necessário amadurecermos. Muita paz!

Maria Alice Cerqueira disse...

Querida amiga
Vim agradecer a sua presença amiga lá no meu cantinho magico coração,
gostaria lhe oferecer um selinho dos 500 seguidores como prova de minha gratidão.
Venho pedir a voce o seu votinho para a minha poesia,
Sentindo a Vida
que está concorrendo no Ostra da poesia Blog da Lindalva
Clik no link http://ostra-da-poesia-as-perolas.blogspot.com/
e conheça e vote na minha poesia.
Como votar
DIGITE O NOME DA POESIA E O LINK DO SEU BLOG
(é importante deixar o link para seu voto ser validado)
Desde já agradeço de todo o coração a seu apoio e votinho
Tenha um lindo dia
abraço amigo
Maria Alice

Jeanne Geyer disse...

todos temos o bem e o mal internos, aceitar seu lado negativo para poder então transmutá-lo é o desafio. enquanto ficar escondido, ignorado vem à superfície como doenças.
a cura: perdão, humildade, amor,caridade...
beijos

Zilani Célia disse...

OI VALÉRIA!
VERDADE E SE TIVÉSSEMOS SEMPRE EM MENTE QUE NOSSA VIDA É O REFLEXO DE NOSSA FORMA DE PENSAR, NOS PREOCUPARÍAMOS MAIS COM OS ASSUNTOS PENDENTES E TRATARÍAMOS DE COLOCÁ-LOS DE FORMA POSITIVA E RESOLVIDOS.
ABRÇS
Zilanicelia.blogspot.com
Click AQUI

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails